Cotação
Dólar
Euro
31/12 20:00
Cuiabá
Carregando...

? ºC

/

Cuiabá (MT), 23 de outubro de 2017 - 08:47

GERAL & INVESTIGAÇÃO

28/08/2017 14:26

Escola Militar Tiradentes de Rosário Oeste está abandonada pelo poder público

Da Redação
Narciso Silveira e Gérson Vargas

É uma tremenda falta de vontade e compromisso de alguns oficiais da PM-MT, que permitiram  o fechamento covarde da Escola Militar TIRADENTES, localizada na cidade de Rosário Oeste-MT (aproximadamente 140 km da capital Cuiabá-MT), conforme o vídeo a seguir: https://www.youtube.com/watch?v=nN0EuOy-FeI
O essencial não  é tentar justificar  a fraqueza moral, o desinteresse deste ou daquele militar comandante ou do Prefeito  e do  deputado e dos próprios Pais e Alunos, inimigos da educação militar, mais, sim, imitar o exemplo de Neemias, que restaurou os muros queimados de Jerusalém, que começa com oração a Deus, pois:

“É IMPOSSÍVEL GOVERNAR BEM O MUNDO SEM DEUS E A BÍBLIA SAGRADA”.
Em seguida, se relacionar com líderes influentes, visão macro, que tenham coragem e determinação, amor institucional, entre outras qualidades. 


As perguntas que ficam são:
Onde estão as autoridades da cidade (líderes religiosos, presidentes de bairros)?
Onde estão os vereadores, prefeito, lideranças municipais?
Qual o posicionamento do Governo Estadual e Federal em relação a Escola Tiradentes de Rosário Oeste?
Isso mostra que a cidade está sem representação política na Assembléia Legislativa MT, como faz falta um deputado comprometido com a Policia Militar e a população da cidade.
Onde estão os homens livres e de bons costumes?

QUAL A IMPORTÂNCIA DA ESCOLA MILITAR TIRADENTES ?
Devido à falta de planejamento financeiro do Governo, que não tem condições de implantar a Escola em todas as cidades do Estado de Mato Grosso, que hoje não é importante expandir a Escola Militar Tiradentes, com dependência financeira exclusiva do Governo do Estado para Rondonópolis, Barra do Garças, Nova Mutum, Sinop e para os demais Comandos Regionais e para outros municípios carentes, da forma tradicional como se fosse um escola pública comum, como pensa o vereador Adonias Fernandes de Rondonópolis-MT, conforme sua fala em plenário da Câmara Municipal de Rondonópolis-MT, pois a escola militar, devido a sua linha pedagógica (Jean Piaget e Matheus), a faz se diferir das demais escolas, pois por ela já se formaram vários oficiais da PM, líderes de diferentes segmentos da sociedade e intelectuais, dentro da disciplina, sinais de respeito e ordem, por isso ela, auxiliara na redução no consumo de drogas e violência infanto-juvenil no Mato Grosso, e por isso não podemos considera-la uma escola comum, segundo o seu idealizador e professor (formado na escola de educação Física na Escola do Exército Brasileiro no RJ), Tenente Coronel PM Narciso Silveira, com atuação no centro educacional 11 de Março (CEOM), Raimundo Candido Reis, ambos em Cáceres-MT e no Centro de Formação de Praças (CEFAP-Varzea Grande-MT), sendo instrutor em duas turmas de oficiais PM, além de ser chefe da sessão técnica de ensino desta mesma unidade. A melhor saída para esse impasse é a criação de uma Cooperativa.

ESCOLA MILITAR TIRADENTES DE CUIABÁ
Em Cuiabá, aos olhos dos Deputados, Vereadores, e de toda a sociedade, a Escola está sem piscina, sem ambulância, posto de  saúde, fanfarra,   Capelania escolar, salão de beleza, ônibus escolar e está com espaço reduzido. Por isso, que o Tenente-Coronel Narciso Silveira, idealizador da rede de Escola Militar Tiradentes, em 2016, lançou a campanha de expansão para os municípios, após reunião na Seduc-MT, porém de acordo com a Lei Federal 5.764, de 16 Dez 71, que é o caminho para o Brasil avançar.

INICIATIVAS EM TODO O ESTADO DO MATO GROSSO
Durante o mês de Fevereiro/2017, o Tenente Coronel Narciso Silveira, esteve em visita as autoridades de Nova Mutum, Lucas do Rio Verde, Sorriso, Sinop, Peixoto, Matupá, Guarantã e Mundo Novo divulgando a campanha para a implantação da Escola Militar Tiradentes em formato de cooperativa, conforme a lei citada acima.


Narciso Silveira e Gerson Vargas
Jornalistas e Professores
www.brasilpolicial.com.br


Copyright Rede Brasil Policial. Todos os direitos reservados.

O Brasil Policial, se trata de um Projeto de Comunicação produzido pela “Rede SBCW e SBC Brasília, Projeto panteado junto ao INPI e Cartório de Registros e Documentos para jornalistas e empresários. É expressamente proibida a sua reprodução do Conteúdo e Plagiar o Projeto desta Rede de Notícias Online no Território Nacional, sujeito às penalidades previstas pelo CPB por roubo violação de Propriedade Intelectual.

O site Brasil Policial Noticias e o Jornal impresso "Brasil Integração" - Policial, são dois órgãos de Comunicação em regime cooperativistas, são instituições privadas independentes, de acordo com o artigo V Inciso XVIII da Carta Magna e de com o Artigo V da Lei Federal 5.764 de 16 Dezembro de 1971.

Todos os conteúdos veiculados e veinculando nesta franqueada "Brasil - Policial", são de inteira e legítima responsabilidades dos seus autores, proprietários identificado (s) no referido Expediente da mesma.

versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo